CTG Jayme Caetano Braun

Buenas!

Sejam bem-vindos ao site do Jayme Caetano Braun, o ponto de encontro online desse CTG que espalha a tradição e a cultura gaúcha em nossa capital federal Brasília. Um agradecimento especial a todos os nossos sócios e amigos que prestigiam o JCB, também, aqui nestas paragens virtuais. Contamos com tua participação ao aprimoramento dessa importante ferramenta. Curtam nossas páginas, compartilhem com seus amigos e demais contatos, faças tua essa importante missão de amizade e o importante papel de informação e história de nossa nação.

História
Após a fundação do “35 CTG” – o primeiro dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs), em 1948 –, outros começaram a surgir praticamente em todas as cidades do Rio Grande do Sul e em algumas de outros estados. Hoje, milhares de entidades tradicionalistas se espalham e reúnem tradicionalistas – até mesmo em outros países foram fundados CTGs. Evidentemente que a nossa querida Capital Federal, por meio do valoroso povo gaúcho que foi habitando o Planalto Central, não ficou de fora do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG). A chegada mais efetiva dos gaúchos ao Planalto Central se deu com a construção de Brasília.

Em 1957, caminhoneiros gaúchos que abasteciam a construção da nova capital, enquanto aguardavam o descarregar de suas cargas, matavam as saudades com o churrasco, o chimarrão, as músicas e causos, introduzindo dessa forma a cultura gaúcha nestes pagos.

Após a fundação da capital federal, vieram militares, funcionários públicos, agricultores e criadores. Estes gaúchos fundaram CTGs. Destacamos os CTGs Saudades da Querência, Tropeiros do Sul, Galpão Farroupilha, Querência Farroupilha, Estância Gaúcha do Planalto e o Jayme Caetano Braun.

As primeiras reuniões foram lideradas pelos missioneiros Renato Fioravanti e Arlindo de Oliveira Xavier Neto, que viriam a ser, respectivamente, o 1º patrão e o 1º capataz-geral do CTG JCB. Em 10 de janeiro de 1987, foi assinado o primeiro manifesto de fundação e, em 4 de abril daquele mesmo ano, finalmente tivemos a sua fundação. Este é o CTG sediado na capital de todos os brasileiros, uma entidade que tem por finalidade maior o culto das tradições gaúchas, manifestações culturais e história.

No ano de 2020 o querido JCB comemora o seu 33º aniversário, e conta com a atual patronagem liderada pelo patrão Darci Gelson Petri.


Um abraço do tamanho do Rio Grande!

Brasília, 11 de Maio de 2020
A Patronagem
www.ctgjcb.com.br